Como aplicar uma cultura DevOps na empresa? Entenda!

ProMoveDevOpsComo aplicar uma cultura DevOps na empresa? Entenda!
cultura devOps

Trabalhar com Tecnologia da Informação (TI) demanda um aprimoramento constante na entrega de serviços. É preciso evitar aumento de custos, atrasos, falhas durante o processo e diversos outros imprevistos. Por isso, superar os obstáculos em um setor de TI é cada vez mais necessário para que uma empresa do setor permaneça firme no mercado. E se lhe dissermos que implementar uma cultura DevOps é a solução para esses problemas?

Afinal, sem ela, muitas empresas do mercado de TI dividem os setores de desenvolvimento e de infraestrutura, se mantendo presas a uma cultura que distancia as tarefas e causa ruídos de comunicação entre as equipes, que realizam muitas atividades manuais e repetitivas.

Quer saber mais sobre o assunto e aprender como implementar o DevOps na sua empresa? Então, siga conosco e boa leitura!

O que é DevOps?

DevOps é uma cultura que aproxima os setores de operação e desenvolvimento. O objetivo é tornar os processos mais simples, integrar desenvolvedores e profissionais de infraestrutura, unir as equipes e aumentar as entregas aos clientes, agregando velocidade e qualidade a elas.

O termo vem da junção das palavras em inglês development e operations, que significam “desenvolvimento” e “operações”, respectivamente. É uma prática de construção de softwares que busca, portanto, unir essas duas áreas, automatizando os processos operacionais em todas as fases da engenharia do software.

A ideia é aumentar a frequência de implantações e também a segurança das liberações desses softwares, ajudando no lançamento de novas versões e padronizando todas as etapas de desenvolvimento.

A modalidade se faz necessária para que os colaboradores envolvidos nas operações tomem conhecimento a respeito da engenharia do software. Da mesma forma, com a cultura DevOps, os desenvolvedores também se integram aos processos de implementação de ferramentas.

Diversas empresas de TI lançam versões de softwares frequentemente, o que se torna bastante facilitado com a implementação da cultura DevOps. Inclusive, ela é também conhecida como implantação contínua, já que colabora com lançamentos de novas versões de software e registro de relatórios.

Antes da cultura DevOps, essas etapas de liberação e implementação eram feitas manualmente, aumentando a frequência de erros. Agora, os desenvolvedores controlam melhor o ambiente e monitoram as aplicações, o que antes não era executado por nenhuma das duas equipes.

Quais os benefícios?

Além de melhorar os serviços das empresas de TI, o DevOps proporciona uma série de benefícios. Veja abaixo.

Integração entre equipes de desenvolvimento e testes

Como já dissemos, a cultura DevOps une as áreas da TI e melhora a performance das equipes. Mas não é só isso. Ela ajuda na comunicação entre gestores e colaboradores. Essa fluidez é essencial para o bom resultado de uma empresa, independentemente do setor em que ela atua.

Processos facilitados

O DevOps consegue tornar os passos de um trabalho mais simples e econômicos. Isso acontece porque essa cultura prega a facilidade na integração de aplicações muito complexas, que demandariam equipes com dezenas de profissionais para implantação e monitoramento dos sistemas.

Tarefas automatizadas

Quando uma empresa adota a cultura DevOps, todos os trabalhos manuais passam a ser realizados de forma automatizada.

Essa economia de tempo permite que os colaboradores analisem as frequências dos erros e entendam como solucioná-los. Criar essa cultura em uma empresa de TI faz com que a melhoria constante se torne rotina na companhia.

Modernização da empresa

Não é possível dissociar a cultura DevOps e cloud computing. Essa característica moderniza uma empresa e torna arquivos e informações mais seguros. A computação na nuvem também reduz os custos, pois existe uma economia na criação e nos ambientes da aplicação e de banco de dados e, principalmente, na velocidade de expansão de novos recursos de software e hardware.

Análise de processos

Quando você simplifica e automatiza as rotinas da sua empresa, é impossível que não aconteça uma análise de como acontece o trabalho dentro da companhia. Isso faz com que os funcionários identifiquem gargalos e resolvam problemas recorrentes, que só custam dinheiro e atrasam as entregas.

Fortalecimento das equipes

Quando uma mudança grande acontece em uma empresa, os setores se fortalecem e colaboram entre si. É o que acontece com as equipes de TI quando a cultura DevOps é adotada.

Implementar melhorias exige que os colaboradores façam análises complexas a respeito dos serviços da empresa, ajudando no aprendizado e modernizando os conhecimentos. Essas são características imprescindíveis para times bem-sucedidos e empresas consolidadas.

Qualidade na entrega

A cultura DevOps consegue aumentar a satisfação dos clientes uma vez que os softwares são entregues com muito menos falhas e bugs. Com os procedimentos automatizados e uma equipe integrada, as etapas acontecem de forma mais rápida, simples e protegidas de erros.

Como implementar a cultura DevOps na empresa?

Integre os serviços

A repetição a respeito da integração não é à toa: sem ela, não existe cultura DevOps. Para que a cultura seja aplicada, é essencial que você transforme a realidade da cultura organizacional da sua empresa. Portanto, acabe com tudo o que engessa e limita as equipes.

Os times podem continuar sendo especializados, mas é preciso que eles conheçam cada vez mais sobre os processos que envolvem seu trabalho.

Forme equipes independentes

Se você está acostumado a modelos de trabalho em que cada um aperta um parafuso, é hora de abrir a cabeça. A hora é de criar equipes multidisciplinares e autossuficientes. Cada time deve ser capaz de passar por todo o processo de criação e desenvolvimento do produto.

No início, pode parecer assustador, mas isso torna o dia a dia mais colaborativo. Equipes independentes trabalham em harmonia e evitam erros nas entregas.

Estabeleça métricas e divulgue-as

Juntos, funcionários, gerentes e gestores precisam estabelecer dados mensuráveis para comparação de resultados. Isso facilita a avaliação do desempenho da equipe e consegue mostrar à empresa como essas mudanças estão impactando as entregas.

É preciso que a avaliação a respeito dos produtos e serviços seja tangível e concreta. Só assim é possível que todos trabalhem em busca do mesmo objetivo.

Foque a satisfação do usuário final

Não importa quem seja a pessoa que vai utilizar os softwares — é essencial que a empresa se concentre em melhorar o nível dos serviços oferecidos. Então, ajude os funcionários a realizarem e automatizarem os testes. Essa iniciativa melhora a qualidade e a confiança no software entregue, sempre buscando a melhoria da usabilidade e das funcionalidades para o usuário final.

Capacite os colaboradores

Mesmo as empresas de vanguarda podem ser reticentes quanto às mudanças organizacionais que se fazem necessárias.

Por isso, informe seus funcionários a respeito do que é a cultura DevOps e capacite-os para que trabalhem dentro do que ela prega. Invista em palestras, workshops e cursos para que os processos fiquem redondinhos e atendam às suas expectativas.

Como você pode perceber, adotar uma cultura DevOps não é nenhum bicho de sete cabeças. É preciso ter em mente que as equipes precisam trabalhar por conta própria e sempre focadas em oferecer o melhor aos clientes.

Quer saber mais sobre o assunto e implementar essas mudanças para que a sua empresa conquiste cada vez mais espaço no mercado? Entre em contato conosco e conheça todas as soluções que temos para você!

Sobre o Autor

Mestre em Engenharia de Sistemas e Computação na COPPE/UFRJ. Trabalha com avaliação e melhoria de processo de software desde 2004. Foi responsável pela definição e implantação da infraestrutura, customização do processo, treinamento e administração do TFS 2010 na APPAI. Responsável pela migração de todo o ambiente para a versão TFS 2015, com a adaptação do processo para as novas funcionalidades do TFS 2015. Implantação do deploy automático e testes automatizados unitários e funcionais utilizando o TFS 2017, incluindo todos os sistemas core da arquitetura da APPAI. Responsável pela definição, customização, treinamento do processo e administração do TFS 2012 no Banco Modal.
Optimized with PageSpeed Ninja